sexta-feira, 18 de agosto de 2017

Mais da musicalidade do pensamento de Foucault

Existem momentos na vida onde a questão de saber se se pode pensar diferentemente do que se pensa, e perceber diferentemente do que se vê, é indispensável para continuar a olhar ou a refletir.


A mudança constante é necessária. É revisão; reposicionamento. Não se trata de deixar de lado valores e crenças, mas rever suas atitudes nestes valores; sua adesão a eles no cotidiano.



A música de Foucault

Não me pergunte quem sou e não me diga para permanecer o mesmo.


Cada vez que tento me definir já me tornei outro. Minha metamorfose não acaba. De lagarta a crisálida me desdobro e redobro minha ação no mundo. Sem medo. Sigo em frente porque só há em frente. Neste compasso, danço a vida e ela me acolhe.

segunda-feira, 31 de julho de 2017

Santo Inácio, para hoje

"A vitória mais bela que se pode alcançar é vencer a si mesmo."

É difícil a tarefa de conhecer-se, ultrapassar a barreiras interiores que impedem o progresso pessoal. A vida é desafio constante. 
Escrevo para me encontrar também.

terça-feira, 25 de julho de 2017

Para o dia do Escritor

Escrever não é uma escolha, é uma necessidade: fato destacado já por tantos aventureiros do universo das letras. Escreve-se para não morrer, para não sangrar, para não desistir, para não desanimar, para não deixar de acreditar. A força da palavra escrita liberta o que se traz no íntimo, em segredo, mas que, no fundo, se quer descoberto. Escreve-se para partilhar.

Epicuro, para hoje

"Os grandes navegadores devem sua reputação aos temporais e tempestades."

As dificuldades são pontes que ligam o desânimo inicial à força da tentativa de ultrapassamento.

sábado, 24 de junho de 2017

Ah... Wilde

Chamamos de Ética o conjunto de coisas que as pessoas fazem quando todos estão olhando. O conjunto de coisas que as pessoas fazem quando ninguém está olhando chamamos de Caráter” 

Ainda refletindo com Tolstoi

A sabedoria com as coisas da vida não consiste, ao que me parece, em saber o que é preciso fazer, mas em saber o que é preciso fazer antes e o que fazer depois.
Leon Tolstoi  

Decisões...tomamos a cada dia várias. Algumas nos satisfazem, outras satisfazem o outro. Muitas vezes não há tempo para reflexão e a ação deve ser rápida. O que fazer ou para quê são indagações que assombram os dias e, paradoxalmente, revelam muito de cada indivíduo.